Covid-19: Gestantes e Puérperas que tomaram a 1ª dose da Astrazeneca podem se imunizar com vacinas diferentes

Aplicação da Astrazeneca / Oxford em grávidas e puérperas estava suspensa desde o mês de maio

Covid-19: Gestantes e Puérperas que tomaram a 1ª dose da Astrazeneca podem se imunizar com vacinas diferentes

O Ministério da Saúde autorizou a intercambialidade de vacinas contra a Covid-19 para gestantes, e puérperas até 45 dias pós parto. Isso significa que as mulheres que tomaram a vacina Astrazeneca/ Oxford na primeira dose, e ainda se encontram neste grupo priorit√°rio, podem tomar a segunda dose do imunizante Pfizer ou Coronavac.

A aplica√ß√£o da Astrazeneca / Oxford em gr√°vidas e puérperas est√° suspensa desde o m√™s de maio, pelo Ministério da Saúde. Deste ent√£o as mulheres que tomaram somente a 1¬™ dose do imunizante, n√£o se vacinaram com a 2¬™ dose.

"Essa medida é muito importante e vem para garantir que este público complete o esquema de vacina√ß√£o, garantindo assim mais seguran√ßa para estas mulheres. Vale ressaltar que esta intercambialidade é v√°lida somente para gestantes e puérperas, a popula√ß√£o em geral deve seguir o esquema vacinal e tomar o mesmo imunizante", disse o Secret√°rio de Saúde, Thiago Caminha.

As mulheres que se encaixarem neste público alvo devem entrar em contato com a Secretaria de Saúde pelo telefone (67) 9-8466-3952.